Ocorreu um erro neste dispositivo

sábado, 21 de agosto de 2010

INTEMPORALIDADE


"... 
E me deito ao comprido na erva,
E fecho os olhos quentes,
Sinto todo o meu corpo deitado na realidade,
Sei a verdade e sou feliz."
- Fernando Pessoa - O guardador de rebanhos.

Deitou-se ao comprido,
Ficou quieto,
Imóvel,
Parado,
E, assim deitado,
Pôs-se a pensar que,
Às vezes,
Faz bem ficar assim:
Quieto,
Imóvel,
Parado,
Deitado a pensar...
A pensar verdade,
A pensar felicidade.

1 comentário:

Anónimo disse...

HÁ UM TEMPO ATRÁS, MORAVA NUM LUGAR CERCADO DE MONTANHAS E VERDE. gOSTAVA NO INVERNO DE IR LÁ FORA PARA SENTIR FRIO DEITADA NA GRAMA A ASSISTIR O ESPETÁCULO DO CÉU DAS NOITES DE MAIO, MAS EU NÃO PENSAVA EM NADA, APENAS ME MISTURAVA ÀS ESTRELAS.