Ocorreu um erro neste dispositivo

quinta-feira, 6 de maio de 2010

BRUGGE

Hoje meti-me num comboio, confortável e rápido, e fiz o trajecto, desde a Gare du Midi , de Bruxelas, até àquela que é considerada a Veneza do Norte - Brugge. Ida e volta. Ida logo pela manhã e volta perto das 16h.

Da última vez que lá tinha ido fiquei com a dívida de uma visita a Hans Memling, um dos grandes mestres da pintura flamenga primitiva, no Hospitaalmuseum - Sint-Jan museum. Daquela última vez não passei da porta de entrada.

Fui apreciar o relicário de Santa Úrsula e todos os quadros do Mestre que estão em exposição na Igreja e na Cornelius Chapel.
Sem pressas e sem pressões, tive o tempo por minha conta. Deixei os meus olhos a repousar na beleza das composições, nas cores intensas da pintura flamenga, nas expressões dos rostos, na quietude do muito que aqueles quadros expressam. 
O museu do Hospital de Sint-Jan merece ser visitado, não apenas por este Mestre da pintura flamenga, e muitos outros ali representados, mas também pelo mobiliário e a reconstituição do hospital de então e da célebre farmácia. Um reviver, também, da história da medicina e da farmacologia.

É assim a Bélgica, um país pequeno, rico de lugares maravilhosos, com bons transportes e uma excelente qualidade de vida.

Tão parecido com Portugal... :(

Sem comentários: