Ocorreu um erro neste dispositivo

quinta-feira, 25 de março de 2010

FERNÃO CAPELO GAIVOTA

"Fernão Capelo Gaivota passou o resto dos seus dias sozinho, mas voou muito além dos longínquos telhados.
A sua única mágoa não era a solidão - era perceber que as outras gaivotas se negavam a acreditar na glória de voar, que se recusavam a abrir os olhos e ver".

Quantos de nós não estamos sozinhos porque não acreditamos? Porque não queremos voar mais além? Porque não vemos para lá daquilo que os nossos olhos nos mostram? Porque não damos mais do que aquilo que temos para dar? Porque é que se perdeu o significado das palavras honra, dedicação, empenho, entrega? Porque é que a mentira é a verdade oficial?

Porquê?

 

Sem comentários: