Ocorreu um erro neste dispositivo

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

OCRE

Finalmente deixou de ser só branca.

Agora, depois das pinceladas ocre que circundam as portadas e as janelas, ganhou uma vida nova, um sorriso mais rasgado, uma jovial alegria. 

Ficou mais apelativa, mais atrativa, de fazer virar olhares curiosos, a despertar desejos gulosos e, agora, vaidosa, como a esperar que o fotógrafo diga: - "Olha o passarinho" ou, então, "sorria"! -, passa o tempo a pôr-se em pose, para a fotografia.


(Parati - 2003)



2 comentários:

Anónimo disse...

Muito bom! Muito obrigada pelo envio.
Beijinhos,
Lola

Anónimo disse...

Lindas as molduras em amarelo. Sempre lembram acolhimento e ternura!
Beijos
Berta