Ocorreu um erro neste dispositivo

terça-feira, 9 de agosto de 2011

ALDEIA DA ROUPA BRANCA E DE COR

(Cidade da Horta - Ilha do Faial - Julho de 2011)

Haverá alguma imagem mais portuguesa? E mais colorida? 

Lembrou-se do filme "Aldeia da Roupa Branca", lembrou-se da Beatriz Costa e da canção tema do filme:


Aldeia da Roupa Branca

Beatriz Costa

(Composição: Raul Portela, G. Chianca, A. Curto)


Ai rio não te queixes,
Ai o sabão não mata,
Ai até lava os peixes,
Ai põe-nos cor de prata.

Roupa num monte a corar:
Vê lá bem tão branca e leve!
Dá ideia a quem olhar,
Vê lá bem que caiu neve.

Água fria, da ribeira,
Água fria que o sol aqueceu,
Velha aldeia, traga a ideia,
Roupa branca que a gente estendeu.

Três corpetes, um avental,
Sete fronhas, um lençol,
Três camisas do enxoval,
Que a freguesa deu ao rol.

Ai olha o enxoval,
Ai feito de urzes brancas!
Ai parece um pombal,
Ai só de pombas brancas


Um lençol de pano cru,
Vê lá bem tão lavadinho,
Dormindo nele, eu e tu,
Vê lá bem, está cor de linho.




2 comentários:

Anónimo disse...

Consegue deixar reminiscências da infância.
É bom recordar...
Obrigada.
beijos

Anónimo disse...

O gosto pelo sol!!
Beijos
Berta