Ocorreu um erro neste dispositivo

sábado, 18 de junho de 2011

TEMOS GOVERNO

Foi rápido na formação do Governo, foi sagaz na escolha dos ministros. Começou bem, a adiantar-se aos prazos, a não atrasar as tarefas imensas que tem pela frente. 

Depois da brincadeira socialista, da banca rota em que nos deixaram, dos crimes que cometeram e deixaram que se cometessem, das impunidades, das aldrabices ("engenheiros", "doutores" e tudo o resto), das vigarices, das corrupções, da "mãozinha" sobre a justiça, do controle apertado ("censura") sobre a informação, etc, etc, etc... é a altura de o Governo Português ser constituído por pessoas Honestas, Qualificadas, Íntegras, Impolutas, Incorruptíveis, sem vícios de governação, com garra e juventude.

Parece que as escolhas foram corretas e agora é tempo de se começar a governar sem ouvir, nem se deixarem impressionar pelos gritos, pelas palavras de ordem, pelos incentivos às greves, à desordem e ao caos que, pequenos grupos, que quase não têm expressão popular, vão começar por aí a "ladrar".

Todos sabemos que "cão que ladra não morde", assim diz o provérbio, mas se começarem a querer morder os calcanhares do povo maioritário o melhor é pôr-se-lhes, logo, um açaimo. Ficam só a "rosnar".

Sem comentários: