Ocorreu um erro neste dispositivo

sábado, 26 de março de 2011

SILÊNCIO

DUAS CANÇÕES DE SILÊNCIO


"OUVE COMO O SILÊNCIO
SE FEZ DE REPENTE
PARA O NOSSO AMOR

HORIZONTALMENTE...



CRÊ APENAS NO AMOR
E EM MAIS NADA
CALA; ESCUTA O SILÊNCIO
QUE NOS FALA
MAIS INTIMAMENTE; OUVE
SOSSEGADA
O AMOR QUE DESPETALA
O SILÊNCIO

DEIXA AS PALAVRAS À POESIA..."

(PARA VIVER UM GRANDE AMOR - VINICIUS DE MORAES - OXFORD  1939)


Cala a tua voz
Escuta a poesia
Crê apenas no amor
E deixa que o silêncio
Nos faça companhia

Escuta o amor
Que nos sossega...

Não digas nada
Fica quieta, fica calada
E sente o amor
Na sua entrega

As palavras, deixa-as à poesia...



2 comentários:

Anónimo disse...

Não é bastante ter ouvidos para ouvir. É preciso também que haja silêncio dentro da alma...

Anónimo disse...

Talvez o silêncio seja, apenas, o POEMA total.