Ocorreu um erro neste dispositivo

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

SORRISO

Agora já sorri, já olha a vida com outros olhos, já sente alegria no viver, já se libertou do peso da angústia sobre os seus ombros.

Sente-se livre, anda contente, soube dar a mão à vida e os seus lábios já sabem, de novo, sorrir.

1 comentário:

Anónimo disse...

Também devemos sorrir quando já não sentimos "alegria no viver".