Ocorreu um erro neste dispositivo

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

ISAÍAS 61

Sempre ali, a olhar para ele, como um guarda, um vigilante, um espião. 

Levantava a cabeça e aquele olho, ali, quase à altura dos olhos, a olhá-lo. Um olhar parado mas vivo, um olhar fixado mas cheio de movimento, um olhar negro mas cheio de cor.

Até gostava do peixe, tipo peixe tropical, amarelo com riscas pretas, ou preto com riscas amarelas, não sabia; mas como tinha mais amarelo que preto era natural que fosse amarelo com riscas pretas.

                              (Isaías 61 - autor V. Madruga)

O fundo onde se encontrava também era preto, numa monotonia de preto e amarelo. Mas gostava do quadro que tinha uma mensagem escrita em letras ténues, num cinza desmaiado, tornando a leitura difícil, mas não impossível; um salmo do Profeta Isaías, o 61, que começa assim: "O espírito do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas..."

Mudou o quadro de sítio, agora está noutra parede, a olhar directamente quem entra pela porta da entrada.

1 comentário:

Anónimo disse...

Se possível, sempre a pregar boas novas...