Ocorreu um erro neste dispositivo

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

O SALMONETE

Já tinha prometida a ida.  Uma espécie de ritual anual.

O almoço dos salmonetes!

Quase obrigatório. Mas a verdade é que, salmonetes, só mesmo em Setúbal. E aquele almoço era quase sagrado.

O mesmo restaurante de sempre e sempre a mesma dificuldade em dar com ele. A confusão das ruas estreitas, dos sentidos únicos, do estacionamento difícil. Vira na segunda rua depois da rotunda, depois desce pela rua do Centro de Saúde, tem a placa a indicar, vira à esquerda na terceira, sobe uns duzentos metros, entra no portão e, se conseguir lugar, estaciona ali.  O resto do percurso para o restaurante faz a pé...

O Assador de Peixe.

Fora o primeiro a chegar. O anfitrião já lá estava, à espera, sentado à mesa comprida. Os mesmos amigos, alguns que só se viam ali... à volta do salmonete, do vinho de Palmela, da conversa, das histórias do António, das considerações do Pedro, das anedotas do Xico, das aventuras do Carlos...

Um a um, a chegarem, os cumprimentos, os abraços, a mesa a compor-se, a conversa a animar, o queijo de ovelha, a mousse de camarão, o carapauzinho de escabeche, o pão de Alcácer, os pimentos padrón e a salada de tomate com oregãos já ali, em cima da mesa, à espera do ataque.

As entradas comidas, numa espécie de ante-estreia para os salmonetes grelhados, regados com aquele molho de fígados a acentuar o sabor único daquela carne branca de pele rosada.

Aqueles salmonetes, daquele mar, absolutamente frescos, do barco para a lota, da lota para o restaurante, sem congelação... O vinho leve, fresco, de sabor suave para não estragar o paladar do peixe.

Pró ano lá estaremos... vira na segunda depois da rotunda, depois vira à esquerda... ou desce pela rua do Centro de Saúde?

2 comentários:

Anónimo disse...

Vira à esquerda na segunda,depois da rotunda vira.......................... e cortar a direito? Chegava mais cedo para saborear os famosos salmonetes. E tem razão, só mesmo em Setúbal.

Luiz Leite disse...

Ainda há uns " barões" que conseguem ter tempo para almoçar!!! Não tenho inveja!!! Só uma profunda pena de não vos poder acompanhar no funeral dos salmonetes!!!!
MARQUEZDEBORBA ( TINTO!!! ).