Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 16 de dezembro de 2012

CHUVA



"Chove uma grossa chuva inesperada,
Que a tarde não pediu mas agradece.
Chove na rua, já de si molhada
Duma vida que é chuva e não parece.

Chove, grossa e constante,
Uma paz que há-de ser
Uma gota invisível e distante
Na janela, a escorrer..."

Miguel Torga


A verdade é que chove... uma chuva benéfica, rica, farta, esperada, uma chuva agradecida e imensamente desejada...

Uma chuva que molha, que enche rios, que faz correr a água nas fontes, em abundância, água que traz riqueza e substância...


  


(DO AUTOR - ESTRADA DA SERRA - PORTALEGRE)



.

2 comentários:

Anónimo disse...

Que saudades tenho da serra, está lindo.
Beijinho,
Maria De Lourdes Silva

Anónimo disse...

A serra é sempre linda!!!!!!!!!!!!!!
Mariazinha Nunes