Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 27 de outubro de 2013

AVE DO PARAÍSO



Estava ali, na parede rosada daquela casa.

De cores vivas, com cauda longa e fina, rematada por um tufo de pequeníssimas e delicadas plumas... 

Devia estar na época de acasalamento... no período mais romântico da sua existência... a olhar a companheira escondida na densa folhagem da árvore que lhe dava apoio...

E, para lhe chamar a atenção, agitava-se, batia as asas, ameaçava voos de partida... mas voltava, súbito, ao mesmo galho...

E a reminiscência do seu canto fazia-se escutar no som longínquo de campainhas que repicavam ao som de um vento brando que descia da serra... tal como quando o escutava nos seus passeios pela floresta tropical...  




(DO AUTOR - AVE DE PARAÍSO - REMINISCÊNCIAS DE UM BRASIL ROMÂNTICO)


3 comentários:

jose perestrelo disse...

prezado professor
sou portugues da madeira, no brasil desde 1948
vi seu artigo na tribuna das ilhas, o melhor sobre o assunto do omega 3 tenho uma duvida sobre a temperatura de cozimento das sardinhas e peço que me esclareça
o cozimento em panela de pressao preserva o omega 3?
abrços jose perestrelo

Anónimo disse...

Um post lindo!

BLOGGETROTTER disse...

Caro José Perestrelo... o que a net aproxima! A diáspora que faz um português da Madeira ir para o Brasil ler um Jornal açoriano que o leva a um português do continente... Claro que pode cozinhar as sardinhas na panela de pressão!
E bom apetite!