Ocorreu um erro neste dispositivo

quinta-feira, 4 de abril de 2013

O PÁSSARO DE BICO AMARELO


Estava ali, no muro velho da casa branca com moldura azul...

A mesma casa onde, tantas vezes, na sua juventude, ia para a janela do sótão ver os pássaros nos ninhos do velho castanheiro...

Deixou-se ficar quieto, a observá-lo... a olhar os trejeitos da sua  cabeça, a ouvir-lhe os piares aflitos abrindo e fechando o bico amarelo, ao bater das asas  descoordenado, como se estivesse a exercitar os músculos antes de partir para mais um voo experimental... 

E a verdade é que desta vez, não caiu... Ao mesmo tempo que deu o impulso para o salto, bateu as asas com força e seguiu rumo ao céu à procura do ninho de onde, há pouco, tinha caído!  








(DO AUTOR - PÁSSARO DE BICO AMARELO)












1 comentário:

MJ FALCÃO disse...

Claro que é lindo e vou já roubá-lo...
Abraço amigo