Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 13 de janeiro de 2013

NÉVOA


O dia acordou assim, silencioso, manso, de luminosidade difusa, sem sombras, misterioso, enigmático...

E assim se deixou ficar, tranquilo, sereno, pacífico, envolto na sua própria névoa e pelos fumos das chaminés das lareiras...

(DO AUTOR - A SERRA ENVOLTA NA SUA PRÓPRIA NÉVOA)


.


Sem comentários: