Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 27 de janeiro de 2013

INDEFINIÇÃO



Não deixa ver o recorte, da enorme figura de pedra, feita de torres, guaritas, muralhas... e nem deixa perceber da espessura das paredes, nem dos  muros de suporte!

É que o denso nevoeiro, que por ali se instalou, parece que tudo apagou, deixando no indefinido o Castelo que lá está...



(DO AUTOR - O CASTELO DE MARVÃO NA INDEFINIÇÃO PROPORCIONADA PELO MANTO DE NEVOEIRO)




.

5 comentários:

Anónimo disse...

Lindo! Terra magica!
Ana Gamas

Anónimo disse...

Muitas vezes, nem podemos culpar o nevoeiro por não estarmos vendo com nitidez...
Ana Hertz

Manuel Poppe disse...

Esplêndida fotografia! Eu sou um "frequentador" desse jardim. Em breve lá voltarei! Um grande abraço e... bom domingo!

Anónimo disse...

Se não me engano,disse.lhe que nunca tinha ido a Marvão .Não sei onde tinha a cabeça .Já lá estive,na pousada .Adorei essa terra.
Ivone Oliveira

Anónimo disse...

É Alentejo, é lindo.
Maria de Lourdes Silva