Ocorreu um erro neste dispositivo

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

LIBERDADE

Ondas livres e soltas dum mar que toca, lá no fundo do horizonte, o espaço infinito; ondas que parecem lançar-se para o céu azul construindo castelos de nuvens, brancos, informes, que se desfiguram e se deixam levar, pela liberdade dos ventos, na liberdade apaixonada do tempo...

(DO AUTOR - PRAIA DE GUARAJUBA  - BAHIA - BRASIL)
"Aqui nesta praia onde
Não há nenhum vestígio de impureza,
Aqui onde há somente
Ondas tombando ininterruptamente,
Puro espaço e lúcida unidade,
Aqui o tempo apaixonadamente
Encontra a própria liberdade."

Sophia de Mello Breyner Andresen - Liberdade




.

Sem comentários: