Ocorreu um erro neste dispositivo

quarta-feira, 27 de junho de 2012

GROSELHAS

Tardaram um pouco.

É o costume!

É que ali, naquela dobra da serra, quase escondida pelo arvoredo denso dos carvalhos, dos sobreiros e dos castanheiros, o sol tarda sempre a chegar e parte mais cedo do que devia.

Por isso as groselhas demoram mais tempo a aparecer, maduram mais lentamente, mas, por isso também, vão tendo mais tempo para se encherem, para ganharem cor e para irem acumulando algum açúcar...

Agora, que estão cheias, que já estão bem vermelhas, daquele vermelho capaz de fazer nódoas que não saem, agora que os bagos estão firmes e consistentes, está na altura de as colher... delicadamente... manhã cedo, podadas com um tesoura pequena, em pequenos cachos, e colocadas em caixas de tamanho adequado,  para que não fiquem esmagadas.

Este ano há muitas... capazes de encherem muitas caixas e o olhar guloso daqueles que as vão comer...

(DO AUTOR - AS GROSELHAS DA QUINTA DA PROSA)


.

4 comentários:

Anónimo disse...

Como gosto de groselhas! Estas, além de me encherem os olhos, enchem-me a boca de sabores agridoces.
Bjs
LM

Manuel Poppe disse...

Magnífico, amigo! Até à volta!

MJ FALCÃO disse...

Que lindas groselhas! Vou já "roubar" umas...

Anónimo disse...

São lindas as suas groselhas! Se fizer xarope não se esqueça de mim.
Bj
Berta