Ocorreu um erro neste dispositivo

sexta-feira, 24 de maio de 2013

SENTINELA ALERTA


Quieto, atento, perscrutador, no seu posto de vigia, era ali que passava o dia, a ver tudo o que se passava, tanto do lado daqui, como do lado de lá...

Quase lhe apetecia gritar: Sentinela alerta?

E ouvi-lo responder no seu trinar: "Alerta, sim, alerta está!"


(DO AUTOR - DE ALERTA NO POSTO DE VIGIA, EM  MARVÃO)



1 comentário:

Anónimo disse...

A tomar conta do céu! Acho bem!
Maria João Falcão