Ocorreu um erro neste dispositivo

quinta-feira, 14 de março de 2013

FRANCISCO


Francisco de Assis chamava aos animais de irmãos... Quando andava pelo mundo, nas suas pregações itinerantes, tentava seguir à risca os Evangelhos e imitar a vida de Cristo. Desenvolveu uma profunda identificação com os problemas dos seus semelhantes afirmando a bondade e a maravilha da Criação... Dedicou-se aos mais pobres e foi um exemplo de amor a todas as criaturas a quem chamava de irmãos: o irmão leproso, o irmão pobre, o irmão peixe, a irmã pomba...

Francisco foi o nome adoptado pelo novo Papa Bergoglio... Modesto, conservador e preocupado com os mais pobres.

Nas suas primeiras palavras, da janela do Vaticano, afirmou: "... E agora vamos começar esta jornada: o bispo e o povo. É o caminho da Igreja de Roma, que preside à caridade em todas as igrejas. Um caminho de fraternidade, amor e confiança entre nós..."

Um Papa que viveu modestamente enquanto Cardeal e Arcebispo de Buenos Aires...

Dispensou o palácio episcopal para viver num despretensioso apartamento na cidade, deu preferência aos transportes públicos em detrimento do automóvel com motorista, voava em classe económica sempre que ia ou vinha de Roma... Mas, também, um apaixonado pelo tango, pelo futebol, pela literatura... e, ninguém o diz, mas, certamente também, um amante dos animais...

Mesmo sem um pulmão, todos esperamos que tenha fôlego suficiente para soprar para fora do Vaticano poderes estabelecidos, forças do mal e muitos dos  vícios que vão desacreditando, cada vez mais, a Igreja que Cristo fundou e que São Francisco de Assis, tão bem, seguiu o exemplo...

(DO AUTOR - SÃO FRANCISCO - AQUELE QUE AMAVA TODAS AS CRIATURAS)






4 comentários:

Anónimo disse...

Muito bom!
Ana Hertz

Anónimo disse...

Gostei muito do seu Francisco!
Vera Mena Barreto

Anónimo disse...

Que Deus te oiça,
Bjs
Ana Perestrello

Anónimo disse...

Oi...
Gostei bastante do k li... vem de alguma forma de encontro áquilo k pensei... aliás, ainda é essa a sensação k tenho...
Bjka
Luísa Mourato