Ocorreu um erro neste dispositivo

quarta-feira, 20 de março de 2013

FELICIDADE



No meio de tanta injustiça, de tanta crise, de tanta desgraça, de tanta tristeza, de tanta aflição, de tanta penúria, de tantos conflitos, de tanta riqueza e de, ainda muito mais, tanta pobreza, de tanta infelicidade quase não há lugar para a felicidade.
 
Mas, a verdade é que hoje é o Dia Mundial da Felicidade. Até admira... é que a Felicidade não vende, não estimula compras, não proporciona artigos vendáveis, num mundo, como este, em que o dinheiro parece tudo comprar.
 
Felizmente, ou infelizmente, a Felicidade não se compra nem se encontra à venda... talvez porque a Felicidade não é um artigo, nem uma coisa...
 
Felicidade é, antes, um sentir... é um bem que se anseia ou se alcança e que, quando se alcança, deixa de o ser... é um estado de plenitude... de satisfação... de gozo...
 
Se tivesse que definir felicidade talvez a resumisse ao sorriso de uma criança...


(O AUTOR, EM LISBOA, NA AVENIDA DA LIBERDADE, A SORRIR DE FELICIDADE - 1947)


 

1 comentário:

Anónimo disse...

Acredite... Vi seu "hoje" na foto de "ontem". bjs
Ana Hertz