Ocorreu um erro neste dispositivo

sábado, 20 de julho de 2013

MANHÃS


Nunca há amanheceres e manhãs iguais... 
 
O de hoje parece que tardou no acordar... O sol deixou-se preguiçar por baixo das nuvens espessas, mas fofas, e parece ter ficado mais uns segundos naquele tapa e destapa de quem não se quer levantar e lhe sabe bem a cama! Depois, esticou os raios, com quem estica os braços, e levantou-se lesto e cheio de promessas de um dia quente!



(DO AUTOR - O ACORDAR DO SOL) 

5 comentários:

Anónimo disse...

Belas manhãs...
Maria João Falcão

Anónimo disse...

São as minhas manhãs preferidas.
Ivone Oliveira

Anónimo disse...

Lindo amanhecer.
Helena Restani Ferreira

Anónimo disse...

Lindas manhãs!
Maria de Lourdes Silva

Anónimo disse...

Nunca sei se gosto mais dos textos ou das fotos... conclusão - dos dois...
Ana Hertz