Ocorreu um erro neste dispositivo

domingo, 17 de fevereiro de 2013

INEGÁVEL



Apesar da inconstância do tempo, do sol e da chuva, do calor e do frio, da praia e do esqui, da T-shirt e do capote, a verdade é que a primavera já começou a abrir os olhos e a querer gatinhar por aí...

Os dias já estão mais longos - "Em Janeiro uma hora por inteiro e, quem bem olhar, hora e meia há-de achar" - mas a verdade é que, apesar de o sol ser bem-vindo, a chuva ainda vai fazendo falta  - "Quando não chove em Fevereiro, nem bom prado nem bom celeiro"...

Os pássaros já voam por aí, a ensaiar novos cantares, as brancas asas das borboletas já saltitam diante dos nossos olhares, os amarelos das mimosas já arriscam nas bermas das estradas e em quase todas as árvores, sejam de fruto ou só de decoração, os brotos e as flores já começaram anunciar a nova estação...

"A primavera chegará, mesmo que ninguém mais saiba seu nome, nem acredite no calendário, nem possua jardim para recebê-la..." - Cecília Meireles - Primavera,  in  "Cecília Meireles - Obra em prosa".


(DO AUTOR - ALGURES EM SINTRA NUM DIA DE QUASE PRIMAVERA)




.

Sem comentários: