Ocorreu um erro neste dispositivo

segunda-feira, 3 de setembro de 2012

ESQUISSO

Pegou no bloco, no lápis e pôs-se a fazer um desenho!

Começou por um risco horizontal a delinear uma praia, depois um outro, vertical, como se fosse um mastro, bem alto, e depois, risco a risco, traço a traço, o esboço foi tomando a forma de um barco ancorado e de uma duna de areia, mais ao fundo.

Foi enchendo o esquisso de pormenores: ao barco foi acrescentando os cabos, a adriça, a retranca, o leme, a cabine, as vigias, a amurada, as defensas... e, lá mais atrás, a duna alta foi ganhando forma e foi-se cobrindo de vegetação.

As cores da aurora deram o tom rosado e uniforme ao céu e às águas, que o espelhavam, e amaciaram os verdes e os castanhos da vegetação que atapetava a duna. O barco, esse, foi ganhando a cor do sol que, naquele momento, e numa tangente ao plano de água, ia colorindo o casco de um vermelho intenso!



(DO AUTOR - BARCO VERMELHO NA CULATRA)




2 comentários:

Anónimo disse...

Muito bonito, parabéns!!!
Ana Perestrello

Anónimo disse...

Ficou lindo!
Bjs